21 de set de 2011

Roleta Russa

Jogar consigo o maior dos jogos de azar.
inspirar fundo, expirar. Apertar o gatilho, agora.
Sem saber se a bala no cilindro do revólver,
fosse ela ponteiro sobre a face de um relógio,
marcaria doze horas.

9 de set de 2011

Pele

Pisa-te mal quem te acha feia.
Mas não eu, que te sei,
sob a máscara rude, delicada.

Pisa-te mal quem te tem medo e te acha fria.
Mas se te piso, São Paulo amada,
é como quem acaricia.

Cada passo a que me atrevo sobre o asfalto,
cada toque dos sapatos sobre as tuas avenidas
é como um afago, um agrado
sobre a pele da mulher querida.
Se percorro as tuas ruas e te toco o calçamento,
toco como quem toca, leve e lento,
as costas nuas da namorada.